Nosso fundador

Antônio Pierre Jean Gailhac – Fundador  (13/11/1802 – 25/01/1890)

Padre Gailhac

Antônio Pierre Jean Gailhac nasceu em Béziers, uma pequena cidade do sul da França, em 13 de novembro de 1802. Inserido em um contexto histórico conturbado por questões sócio-políticas, aprendeu cedo a ser solidário. Desde criança, Gailhac era incentivado a traduzir sua fé em gestos concretos de sensibilidade e ação junto às crianças carentes de Béziers. Aos 24 anos, tornou-se sacerdote, já com sua vida totalmente entregue aos pobres.

O projeto de Pe. Gailhac para a sua vida sacerdotal fundamentava-se nas declarações: “Não serei outro padre qualquer. Serei um padre bom e santo” e viverei para “conhecer e amar a Deus e fazê-lo conhecido e amado”. Foi com essa filosofia que, em missão como capelão do hospital militar, sensibilizou-se também pela vida precária das mulheres prostituídas.

No trabalho com essas mulheres, enfrentou o preconceito daqueles que não achavam decente que um padre se envolvesse com “moças de má fama”. Entretanto, encontrou também o apoio de outros tantos que viam em seus gestos uma forma legítima e bela de seguir os ensinamentos de Jesus Cristo. Desse seu trabalho nasceu sua primeira obra: o “Refúgio do Bom Pastor ”.

A alma de Gailhac é jovem como Deus, que nunca envelhece, e em Gailhac, o que é eterno é a crença no outro. Por isso, outras obras foram fundadas:

Orfanato: um lar para menores abandonados;

Congregação do Sagrado Coração de Maria: senhoritas e senhoras que consagraram a sua vida a Deus;

Preservação: uma casa para receber moças pobres que precisavam de um encaminhamento na vida, a fim de evitar o caminho da prostituição;

Irmãs da Virgem: uma instituição para leigas que queriam se consagrar a Deus;

Internato Sagrado Coração de Maria: escola para as jovens da sociedade;

Congregação do Bom Pastor: rapazes que queriam consagrar a sua vida a Deus;

Colônia Agrícola: para rapazes pobres desempregados.

Uma resposta em “Nosso fundador

  1. “A alma de Gailhac é jovem como Deus, que nunca envelhece, e em Gailhac, o que é eterno é a crença no outro.”
    E esta JUVENTUDE QUE VEM DE DEUS no Pe.Gailhac é que vamos celebrar no próximo dia 24 de fevereiro – Festa de Ação de Graças pelos 166 anos de fundação da Congregação das Religiosas do Sagrado Coração de Maria.
    Com o coração agradecido, acolheremos nesse mesmo dia 24 as cinco jovens que iniciarão o seu tempo de Noviciado. Vindas de diferentes países, estas jovens foram tocadas pelo chamado à Vida Religiosa, no SCM, através da presença da Congregação nas suas terras de origem: Moçambique, Zâmbia, Zimbawe e Brasil.
    Em breve, vamos conhecer neste Blog estas jovens. Aguardemos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s