Arquivo da categoria: Noviciado

Noviça relata missão em Espinosa – Cachoeira

Chegamos a Espinosa; na paróquia de Espirito Santo, 50 missionários de várias congregações, e fomos recebidos pelos dois párocos das duas Paróquias: Paróquia do Espírito Santo e Paróquia São Sebastião.

Depois da recepção, houve missa do envio dos missionários às paróquias.

Eu fui enviada à Paróquia Espírito Santo, na comunidade Nossa Senhora Aparecida- Cachoeira, juntamente com um seminarista Guilherme e o Irmão Marcos.

Chegamos à comunidade N.S. Aparecida e fomos recebidos pela coordenadora da comunidade, que nos levou até a casa dela, onde residimos toda a semana da missão.

Foi uma boa experiência.

Na preparação da viagem para a missão, estava com muito receio de viajar, por medo de não saber para onde iria fazer a missão, com quem estaria e como iria fazer a missão.

Por isso foi um momento de muitos medos, desânimo, desconfianças e muito mais outros medos. Mas, depois de viajar e sermos bem recebidas nas comunidades, tudo começou a diminuir. Já não tinha mais medo, era um momento de muita alegria e muito animada para a missão.

Sendo a primeira vez de missão, no primeiro dia senti ser desafiante, escutar a necessidade das pessoas, os problemas familiares que eles passam… E nem todos nos acolhiam nas suas casas, por isso foi desafio para mim.

Mas a partir do segundo dia, fui percebendo qual o meu papel com as pessoas, e fui vendo que sou capaz.

Foi um momento de dar e receber, momento de muitas amizades, muitas alegrias, lembranças… e lembrei-me logo que isso é a nossa missão como RSCM: escutar e viver no meio de povo. E também percebi como as pessoas manifestam o amor. Como o povo tem sede da palavra de Deus, a fé do povo, como acolhem a palavra, o interesse das pessoas, então isso foi me dando muita força e ânimo de continuar com a missão.

Por isso digo: destruí os meus medos, a desconfiança, o desânimo. E aprendi: a confiança, a simplicidade, o amor, a humildade, a interagir com muita gente; e aumentei a minha fé, aumentei a sabedoria, refleti que a minha própria vocação se coordena com a missão das RSCM.

Foi uma iniciativa que me ajudou muito. E agora estou animada em continuar a Missão.

Durante as visitas, também passávamos nos lugares que não havia caminho. Pulando a cerca para chegar numa casa.
Encontro com as crianças.
Rosita com o grupo de jovens da comunidade, encenação do teatro da Sexta-feira Santa.
Anúncios

Centro Provincial RSCM recebe visita de noviças

Para conhecer a organização, os colaboradores e as dependências do Centro Provincial, as noviças da congregação do Sagrado Coração de Maria, visitaram a Casa, no dia 20/04, em uma agradável manhã.

Atualmente, na Província Brasileira, nove moças participam do Noviciado do Sagrado Coração de Maria, sendo que seis delas estão fazendo o primeiro ano e as outras três estão cursando o segundo.

Neste grupo, há integrantes de Zâmbia, Zimbábue, Moçambique e, também, do Brasil. Essa internacionalidade de participantes confirma a abrangência do Instituto e reforça a expansão da missão de Pe. Gailhac e Ir. San Jean desde 1849, quando da fundação.

Vida religiosa

Como parte do processo para se tornar uma Religiosa do Sagrado Coração de Maria, as moças passam por processo de contato com o Instituto, bem como viver a experiência de conhecimento inicial.

Como segunda fase, as pré-noviças começam a vivenciar a experiência e a aspirar a adesão à missão, em uma comunidade local. Nesta fase elas tem a oportunidade de se profundarem na missão, como um todo, e em todos os aspectos da vida e na diversidade de mistérios. A partir daí são iniciados os trabalhos do Noviciado Sagrado Coração de Maria, em Belo Horizonte (MG).

Durante dois anos as noviças dedicam a vida aos estudos e à caminhada para se tornarem Religiosas do Sagrado Coração de Maria. No primeiro ano elas vivem o ano Canônico e aprofundam o autoconhecimento, a aprendizagem quanto às temáticas de espiritualidade, tradição, história e carisma. Já no segundo ano, chamado de Apostólico, elas participam da vivência em comunidades, missões e estágios e, também, no noviciado – que é a síntese da vida religiosa.

Finalizado o período, é hora de fazer os primeiros votos e dar continuidade à caminhada formativa. Até que façam os votos perpétuos, ela são Irmãs Junioristas de votos temporários, por um período que pode variar entre três e sete anos. O voto perpétuo é o momento mais forte na vida de uma religiosa e marca a trajetória de confirmação ao chamado de amor e dedicação da vida a Cristo.

NOVIÇAS SCM “EM PLENA MISSÃO” ATRAVÉS DA MÚSICA

Em colaboração com Pe. José Luiz – Comunidade Shalon, BH – as Noviças SCM e dois membros da Equipe Formadora vão ao estúdio para a gravação de músicas da autoria deste grande amigo da nossa Comunidade do Noviciado.

20170601_163309

Na partilha dos dons musicais, passa a jovialidade destas queridas formandas.

Ao querido Pe.Luiz, parabéns pela fecundidade da sua produção artística – Fonte de Amor – música e letra da sua autoria.

Ir.Rosinha, RSCM

Encontro “Comunidade para a Missão” é realizado no Noviciado

 

No Noviciado, tivemos dois dias de encontro, no final de maio, e Ir. Rosa de Lima Pereira foi a facilitadora. O tema do encontro foi COMUNIDADE PARA A MISSÃO. O mais interessante que aprendemos deste tópico foi como nós contribuímos para o crescimento ou a diminuição da Comunidade, como seus membros. Tivemos uma árvore que usamos para representar nossa comunidade: como a árvore, ela também precisa de água, ar e sol para crescer e produzir frutos. Assim, como membros da comunidade, somos encorajadas a desenvolver e partilhar nossos dons, e também encorajar os dons dos outros membros da comunidade.

Noviça Plynet Tachekwa           

Partilhando minha EXPERIÊNCIA APOSTÓLICA de Noviça SCM

Gostaria de agradecer a Deus pela experiência que tive durante os quatro meses na Comunidade Nossa Senhora da Guadalupe/BH. Agradeço também às Irmãs com quem vivi durante este tempo e a todos aqueles que me acompanharam com as suas orações.

celine-bitega-3

Esses quatro meses foram para mim momentos cheios de Graça. Eu tive o privilégio de conhecer mais pessoalmente as Irmãs na Comunidade e também aprender com sua sabedoria e fé.
celine-bitega-2

Durante os quatro meses, participei com muita alegria no Projto Vida Pe. Gailhac, onde pude interagir com as crianças, as mulheres e os educadores.

celine-bitega-1

 

Também participei de diferentes grupos de Pastorais: Círculo Bíblico, reuniões com a nossa Família Ampliada SCM, Pastoral da Criança na Comunidade Menino Jesus, da Liturgia na Comunidade Santa Clara, diferentes reuniões e missões com os jovens, promoção das vocações, para mencionar apenas algumas.

celine-bitega-4

 

Celine Bitega – Noviça do SCM

Obrigada, obrigada!

Sou Precious, noviça SCM,  fiz a minha Experiência Apostólica em Janaúba, Norte de Minas Gerais, onde temos uma Comunidade RSCM.

A minha experiência foi muito boa! Tanto a nossa Comunidade das RSCM como os cristãos de Janaúba me acolheram com muito carinho e me fizeram sentir muito “em casa”.

Aprendi muitas coisas durante esta experiência que me ajudaram a discernir a minha vocação de ser Religiosa do Sagrado Coração de Maria.

Também tive desafios, que superei e me ajudaram a crescer na minha caminhada.

Trabalhei  no projeto Dom Mauro e no espaço da mulher,  onde as irmãs promovem  a vida para as pessoas que têm necessidades,  “para que todos tenham vida.”

Noviça Precious, SCM